Mato Grosso tem recorde na venda de soja no exterior nos dois primeiros meses

Mato Grosso vendeu, mês passado e em janeiro, 3,63 milhões de toneladas de soja para diversos países, representando 84% a mais que no mesmo período do ano passado. Esse resultado tem, principalmente, três motivos apontados pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (IMEA), no boletim semanal da soja. Os atrasos na colheita em 2021, uma vez que a safra foi impactada por problemas climáticos, que culminaram em um menor volume embarcado em janeiro do ano anterior é um deles.



O segundo fator apontado pelo instituto é o aumento da produção da soja em 3,14 milhões de toneladas para a safra 2021/22, possibilitando uma maior oferta do grão no mercado. Por fim, os altos patamares do dólar no período de comercialização e a relação apertada entre oferta e demanda no mercado mundial também incentivaram o crescimento dos embarques e, com essa junção de fatores, estima-se novos recordes nas exportações do Estado para este ano, conclui o instituto.


Só Notícias (foto: arquivo/assessoria)