Lula seria eleito presidente em 1º turno, diz pesquisa

A pesquisa Ipec divulgada nessa terça-feira da corrida presidencial aponta Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disparado na primeira colocação de intenções de voto, com diferença suficiente para ser eleito ainda em primeiro turno.



O ex-presidente soma 48% das intenções de voto, com 27 pontos percentuais à frente do atual, Jair Bolsonaro (PL). Sergio Moro (Podemos) aparece com 6%, Ciro Gomes (PDT) tem 5%, André Janones (Avante) e João Doria aparecem com 2% e todos os outros tem 1% ou menos. Todos os adversários de Lula no primeiro turno somam 38% das intenções de voto.

Além da grande diferença para Lula, Bolsonaro ainda tem outro ponto negativo na pesquisa: é o candidato com maior índice de rejeição entre todos. O atual presidente tem rejeição de 55%, enquanto Lula aparece em segundo, com 28%. O governador de São Paulo, Doria, tem 23, enquanto Moro tem 18% e Ciro aparece com 15%.


O levantamento do Ipec foi feito entre os dias 9 e 13 de dezembro e ouviu 2.002 pessoas em 144 municípios brasileiros. A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos para mais ou para menos.