Fila da fome em Cuiabá recebeu ossos de ‘qualidade’, diz governador de Mato Grosso

Pré-candidato à reeleição, com o apoio do presidente Jair Bolsonaro (PL), o governador de Mato Grosso, Mauro Mendes (União Brasil) acusou a imprensa de ter agido com “desvirtuação” ao noticiar a formação de filas para receber doações de ossos de um açougue em Cuiabá, segundo reportagem da Carta Capital. De acordo com o governador, o açougue distribuiu ossos de “qualidade” aos moradores.



“Gente, com todo o respeito aos senhores da imprensa. Isso foi e é uma grande desvirtuação da verdade e da realidade. Eu vou explicar o porquê. Porque o mesmo ossinho que aquele açougue lá… Ele dá aquilo, faz a doação do chamado ossinho… A gente fala ossinho, pelo amor de Deus. Vou até convidar, se vocês quiserem, para a gente ir lá ver qual que é a qualidade desse ossinho.”


Mauro Mendes disse que “os ossos distribuídos pelo açougue dão um “prato delicioso” e que são consumidos em restaurantes como “ossobuco”, corte de carne em rodelas que inclui ossos, tradicional na Itália.


“O ossinho que ele dá há quase 15 anos lá, você come em restaurante como ossobuco”, declarou. “Você compra no melhor mercado aqui de Cuiabá ou do Brasil aquele mesmo produto. A maioria dos açougues de Cuiabá vendem aquele produto, pega o osso, pega a costela, com pouca carne, pega a suan do boi, corta, pica aquilo e vende. E aquilo dá um prato delicioso, feito com mandioca, feito com legumes.”


Veja na integra AQUI